Ib [Preview]

Imagem

Rosas são vermelhas, violetas são azuis…

Estreando o blog, Ib, um jogo independente e completamente grátis produzido pelo autor desconhecido kouri para o PC. Feito no RPG Maker 2000, os gráficos de Ib não impressionam; pelo contrário, ver algumas print screens do jogo pode fazer você pensar duas vezes antes de testá-lo. Entretanto, como diz o velho ditado, quem vê cara não vê coração — e é fato que o coração de Ib não está nos gráficos. Pelo contrário, em certo ponto você se verá tão imerso no universo do jogo, que quase se esquecerá que todo esse universo é construído em pixels. Com uma gameplay curta, de aproxidamente duas horas e meia com todos os finais incluídos, se não pelo jogo em si, Ib valhe a pena só pela experiência — especialmente se você, assim como eu, gostar de jogos de terror, puzzles originais e, acima de tudo, uma boa história.

Venha, Ib…

O jogo começa aparentemente inofensivo: Ib, Eve, ou seja lá como você prefira pronunciar, é uma menininha de nove anos que vai com os pais à galeria de arte. Depois de um pouco de exploração, ela se depara com uma obra intrigante — alguns momentos de observação e, de repente, apagam-se as luzes. Ela procura pelos pais, mas logo descobre que está sozinha — todos sumiram. Como se isso já não fosse perturbador o bastante, as obras de arte que a cercam começam a, aparentemente, criar vida — o quadro de um homem tosse, o quadro de um gato mia. Essa excelente cena de abertura é definitivamente o que puxa o jogador ao jogo, assim como o quadro puxa Ib para dentro da mente de um artista perturbado; o silêncio, cortado apenas pelo som de passos ao fundo, e os acontecimentos inusitados aqui e ali, como uma sombra passando na janela, constroem uma atmosfera de verdadeiro suspense.

Tio Chico, é você?

O jogo realmente começa, entretanto, quando Ib recebe sua rosa, que representa sua vida, sua energia, dentro deste novo, aterrorizante mundo. Não anime-se; o jogo não baseia-se em combates, mas na solução de diversos puzzles, nenhum deles difícil, muitos originais e outros tantos entediantes. A originalidade de Ib não se atém apenas aos puzzles, entrentanto — diversos dos sustos que o jogo prega no jogador são, de fato, inesperados e, diga-se de passagem, bastante divertidos. Inimigos? Sim, muitos. Mas você não pode enfrentar nenhum deles — afinal de contas, você só tem nove anos! Então, sim, prepare-se para correr.

Bitchslapp’d!

A alma de Ib é, entretanto, não a jogabilidade, mas a história e as personagens. Logo você vai encontrar pessoas que, assim como você, estavam na galeria e foram sugadas para dentro do quadro e, consequentemente, para dentro do universo do autor. A relação que você manter com essas pessoas é o que vai definir o destino de Ib. Muitas vezes, durante o diálogo, você terá a opção de escolher o que Ib deve ou não deve dizer — são as decisões que você tomar nessas horas que definirão qual dos cinco finais você conseguirá ao concluir o jogo. Essas personagens, surpreendentemente dimensionais e interessantes, tecem uma trama de charme singular; é mais do que recomendável que você consiga todos os finais possíveis, o que torna-se muito mais fácil se você fizer uso de todos os slots de save disponíveis.

De olhos vermelhos, de pelo branquinho…

Simples, rápido e recompensador, Ib não deixa a desejar. Pode não ser um jogo para todos, mas agrada bem a quem quer agradar. Além disso, é curto e muito acessível: motivos para jogar não faltam, se não apenas como uma experiência diferente. Para uma experiência mais enriquecedora, recomendo uma ambientação apropriada; fones de ouvido, luzes apagadas e às altas horas da noite — assim, dificilmente não sentirá aquele friozinho na barriga que só uma boa história de terror proporciona.

Para jogar, faça o download do jogo no seguinte website:

http://vgboy.dabomstew.com/other/ib.htm

por Rika

Advertisements

One thought on “Ib [Preview]

  1. […] que Ib foi previamente abordado aqui no blog, vamos falar um pouco sobre Majo no Ie. Também conhecido […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s